Alterações e deformidades da coluna alteram a biomecânica da pelve e podem comprometer o bom funcionamento dos músculos do assoalho pélvico.

Desequilíbrios da bacia podem estar associados à incontinência urinária por vários fatores:

  • pela alteração na tensão dos músculos do assoalho pélvico que se prende a ela;
  • pela alteração na posição das vísceras que estão nela contidas;
  • e também pela alteração da condução nervosa que parte da região sacral da coluna.